Navegue Por Aqui

CCEE estima prejuízo do GSF em até R$ 9 bilhões em 2020

Data: 15/1/2020

A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) divulgou, em dezembro, uma estimativa para o GSF, fator que indica a diferença entre a garantia física das hidroelétricas e a energia efetivamente gerada pelas usinas. A projeção indica que as perdas podem chegar a R$ 9 bilhões. Ainda segundo a CCEE,  em 2019 o impacto negativo do GSF para o mercado foi de  R$ 21 bilhões, sendo R$ 15 bilhões no mercado regulado e R$ 6 bilhões no mercado livre.

O impacto negativo calculado é geral, mas o GSF gera uma inadimplência no mercado livre que já acumula R$ 8 bilhões ao longo dos últimos anos. Para viabilizar o pagamento deste montante, está tramitando no Congresso um projeto de lei propondo a prorrogação das concessões das usinas e o pagamento parcelado da dívida. O texto já foi aprovado na Câmara e agora aguarda aval do Senado. Entretanto, o principal fator que provocou essa inadimplência, o imbróglio formado em torno do GSF, ainda não recebeu uma solução.

A Associação Nacional dos Consumidores de Energia (ANACE) considera urgente definir mecanismos que desobstruam as tensões, diminuindo o número de ações excessivas endereçadas ao Poder Judiciário, de modo a tornar o Mecanismo de Realocação de Energia (MRE), que gera o GSF, mais moderno e fidedigno à realidade.

Fonte: