Navegue Por Aqui

Compagas e TBG discutem novas soluções para o mercado de gás

Data: 12/3/2020

A Companhia Paranaense de Gás (Compagas) recebeu nesta terça-feira (10) uma equipe técnica da Transportadora Brasileira Gasoduto Brasil-Bolívia (TBG), operadora do Gasbol em território nacional, para um workshop. O objetivo foi apresentar a agenda da TBG para a oferta de capacidade de transporte de gás natural em 2020. O encontro também foi uma oportunidade para debater as soluções apresentadas pela transportadora para o Novo Mercado de Gás.

Para o diretor técnico comercial da Compagas, Rafael Rodrigo Longo, esta aproximação entre os agentes da cadeia do gás natural é importante para o desenvolvimento do setor. “Nesse contexto de abertura do Mercado de Gás Natural, que está sendo implementada no Brasil, fizemos essa reunião de trabalho com a TBG com o intuito de aproximar a distribuidora da transportadora”, informou. “Isso permitirá entender e alinhar cada vez mais as relações indispensáveis que devem existir para atender o nosso mercado. E também alinhar as operações e soluções que garantam competitividade, ampliem os investimentos em infraestrutura e a transparência de nossas atividades reguladas”.

CHAMADAS PÚBLICAS – O encontro abordou as chamadas públicas de oferta de capacidade de transporte de gás natural previstas pela TBG para 2020, além de aspectos técnicos relacionados ao modelo de entrada e saída aplicado a partir destas chamadas. “Para a TBG é muito importante essa aproximação com os mais variados agentes de mercado. Assim, podemos identificar demandas de forma a desenvolver novos produtos de transporte para atender cada vez melhor os nossos potenciais clientes”, comentou Erick Portela, diretor-presidente da TBG.

Com relação ao Estado do Paraná, Longo explica que há uma situação privilegiada, quando comparada a outros estados, no que se refere à capacidade disponível para transporte do gás natural. “Atualmente, o volume disponível é compatível com o consumo existente e, mesmo com um aumento da demanda por parte do mercado industrial, que são nossos maiores consumidores, temos segurança de fornecimento, capacidade de entrega e condições técnicas de atendimento”.

Mesmo em condições favoráveis, em janeiro deste ano, a Compagas manifestou seu interesse por uma capacidade incremental de transporte nos gasodutos junto à TBG com vistas a atendimento de projetos futuros. “O objetivo deste pedido é viabilizar condições para ampliar a oferta de gás canalizado no Paraná a fim de atender a projetos de médio e longo prazos da Compagas”, destacou Rafael Rodrigo Longo.

Tais ações da Compagas buscam dar segurança ao empresariado quanto às condições e disponibilidade do suprimento de gás para sustentar o aumento da atividade industrial do Paraná.

Fonte: Agência de notícias do Paraná