Navegue Por Aqui

Mercado de energia

Data: 7/6/2013

Os consumidores receberam bem as mudanças nas regras de contratação de energia no mercado livre, publicadas na quarta- feira e que entram em vigor em fevereiro de 2014. Segundo o presidente da Associação Nacional dos Consumidores de Energia (Anace), Carlos Faria, as indústrias pediam desde 2005 permissão para vender no mercado spot seus excedentes – a parcela do volume contratado que não foi consumida no mês. Faria prevê que, com a medida, os consumidores vão firmar contratos de compra de energia com prazos mais longos. A previsão é os contratos de quatro e cinco aumentem sua participação no mercado livre dos atuais 45% para 60%.

130607_valoreconomico

Fonte: Valor Econômico

Fonte: Valor Econômico