Navegue Por Aqui

A capitalização da Eletrobras não tem jabutis e sim corujas, escreve Adriano Pires

Data: 14/12/2021

Não é de hoje que o Brasil discute a privatização da Eletrobras. O debate iniciou-se em meados da década de 90. Mas só em 2021, depois de diversos aprimoramentos na modelagem, é que o projeto de fato vem avançando.

Sempre que estamos próximos de marcos importantes para a concretização do projeto surgem discussões alegando pontos negativos. Foi assim na tramitação de 2 projetos de lei, em 2017 e 2019, e na tramitação da MP (Medida Provisória) nº 1.031 em 2021, principalmente nas semanas de sua aprovação na Câmara e no Senado. E se repete agora, quando o processo de capitalização da Eletrobras se encontra em análise pelo TCU (Tribunal de Contas da União).

A Eletrobras é a maior empresa de energia limpa da América Latina. Passou por um exitoso processo de restruturação desde 2016, em que saiu de uma situação de total desequilíbrio, pós MP nº 579 de 2012, para uma situação de uma empresa equilibrada hoje, com boa capacidade de geração de caixa, baixo endividamento e níveis crescentes de eficiência.

Confira a notícia completa em: https://www.poder360.com.br/opiniao/brasil/a-capitalizacao-da-eletrobras-nao-tem-jabutis-e-sim-corujas-adriano-pires/

Fonte: Poder360