Navegue Por Aqui

Consumidor paga R$ 35 bilhões a mais na conta de luz com sistema de bandeiras

Data: 05/02/2020

Os consumidores gastaram R$ 35,42 bilhões a mais na conta de luz desde que o sistema de bandeiras tarifárias entrou em vigor, há cinco anos. Segundo o site G1, o montante representa quase duas vezes o custo de construção da hidrelétrica de Jirau, em Rondônia, que atende cerca de 40 milhões de pessoas.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) iniciou o programa de bandeiras tarifárias devido à forte estiagem da época.

Os reservatórios das principais hidrelétricas estavam esvaziando e foi preciso acionar mais termelétricas. A energia desse tipo de usina é mais caro.

Desde então, se a bandeira do mês estiver amarela ou vermelha, o consumidor paga uma taxa extra na sua conta de luz.

A Aneel, por sua vez, entende que o sistema de bandeiras é benéfico para o consumidor e evita incidências de juros quando as distribuidoras cobriam a conta.

A agência alega que há uma sinalização para a população quando a energia sobe. E que o consumidor pode se planejar para adotar medidas para economia.

Fonte: Isto É Dinheiro - Redação